+ Notícias

  • Crédito: Divulgação/FIBA

    Com eficiência de +22, ala André Góes foi um dos destaques do Mogi.

Mogi bate Biguá no Uruguai

Equipe brasileira começa bem, cai de produção no fim, mas consolida 1ª vitória pela Champions League
Por: Redação - 26/11/2019 11:00:54

O Mogi das Cruzes Basquete venceu o primeiro de seus dois compromissos fora de casa pela Champions League Américas. Na noite desta segunda-feira (25), a equipe do interior paulista venceu os uruguaios do Biguá, em Montevidéu, por 92 a 90. Foi a primeira vitória do Mogi na competição continental, organizada pela Federação Internacional de Basquete (FIBA).

O resultado positivo coloca a equipe na segunda colocação do grupo A, atrás apenas do San Lorenzo. A equipe argentina, aliás, que venceu o Mogi na estreia da competição, mês passado, será o próximo adversário da equipe comandada pelo técnico Guerrinha, na quinta-feira (28), na Argentina - a partida terá transmissão da plataforma DAZN.

Na partida de ontem, o Mogi dominou as duas primeiras parciais e foi para o intervalo com uma vantagem de 44 a 32. A equipe uruguaia equilibrou as ações no terceiro período e seguiu melhor na última parcial, mas não conseguiu a virada. 

O ala André Góes foi um dos destaques em quadra, com 20 pontos, sete rebotes e seis assistências. Além dele, outros dois jogadores do Mogi apareceram bem e anotaram duplos-duplos: o armador Fúlvio Chiantia (16 pontos e 10 assistências) e o ala-pivô Luís Gruber, cestinha da equipe (21 pontos e 10 rebotes). 

“Foi uma partida muito dura. A gente começou bem e teve até um certo controle do jogo durante a partida toda, mas cometemos falhas no momento de fechar. Poderíamos ter conseguido uma vitória mais elástica, até pelo saldo seria importante, mas não conseguimos. Mas pelo lado positivo conseguimos a vitória. É um time forte e a vitória foi muito importante. Agora contra o San Lorenzo sabemos da força deles, mas fizemos um bom jogo contra eles em casa e vamos estudá-los nos próximos dias para tentar surpreender, porque uma vitória lá nos daria uma excelente condição para dar um passo ou garantir uma vaga na próxima fase da Champions League”, analisou André Góes.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade