NBA

  • Crédito: Getty Images Sport

    Pela primeira vez na final da NBA, Toronto Raptors larga com moral na série decisiva.
  • Crédito: Getty Images Sport

    Camaronês Pascal Siakam foi o nome da noite em Toronto e anotou 32 pontos.
  • Crédito: Getty Images Sport

    Rapper Drake e Steph Curry trocaram palavras durante jogo 1 em Toronto.

Cartão de visitas de Toronto

Pela 1ª vez na final, Raptors se impõem e surpreendem Golden State; jogo 2 no domingo
Por: Redação - 31/05/2019 08:40:18

O Toronto Raptors mostrou na noite desta quinta-feira (30) que não será um mero coadjuvante nas finais da NBA 2018-19. Com Kawhi Leonard muito marcado, os Raptors encontraram no camaronês Pascal Siakam sua principal arma, que com personalidade anotou 32 pontos, pegou 8 rebotes e deu 5 assistências, ajudando seu time a vencer o Golden State Warriors, atual bicampeão, por 118 a 109 e abrir 1 a 0 na série. As equipes voltam a se enfrentar no jogo 2, está marcado para o próximo domingo (2), novamente em Toronto.

A partida começou em ritmo intenso e com Stephen Curry, logo nos primeiros minutos, matando três bolas de três. Do lado dos Raptors, Kawhi Leonard não tinha descanso e via a marcação dobrar a cada vez que pegava na bola. Apesar do bom início dos Warriors, Toronto segurou a onda e se manteve na frente, vencendo três dos quatro quartos. Mesmo ofuscado pela marcação, Kawhi terminaria a partida com 23 pontos. Pascal Siakam chamou a responsabilidade e anotou pontos decisivos - 14 pontos somente no terceiro quarto, enquanto Marc Gasol, igualmente fundamental no ataque e defesa, marcou 20 pontos.

Fora da zona de conforto, já que em cinco finais consecutivas nunca havia sido derrotado no jogo 1, Golden State teve em Steph Curry sua principal força, com 34 pontos - ele foi o cestinha da partida. Sempre regular, Draymond Green anotou um triplo-duplo, com 10 pontos, 10 rebotes e 10 assistências, enquanto Klay Thompson marcou 21 pontos.

Após a partida, Steve Kerr, técnico dos Warriors, reconheceu a superioridade do rival no jogo 1, e cobrou maior intensidade nos próximos confrontos. "Eles têm muita versatilidade, acho que os Raptors são muito parecidos com o nosso time. Eles podem mudar e guardar diferentes posições e fizeram um ótimo trabalho. A defesa deles foi ótima e não foi a nossa noite. Eles mereceram vencer, e temos que jogar melhor se quisermos vencê-los”, analisou Kerr.

 

Toronto Raptors 1 x 0 Golden State Warriors

Jogo 1 - 30/05 - Raptors 118 x 109 Warriors

Jogo 2 - 02/06 - Raptors x Warriors (21h)

Jogo 3 - 05/06 - Warriors x Raptors (22h)

Jogo 4 - 07/06 - Warriors x Raptors (22h)

*Jogo 5 - 10/06 - Raptors x Warriors (22h)

*Jogo 6 - 13/06 - Warriors x Raptors (22h)

*Jogo 7 - 16/06 - Raptors x Warriors (21h)

*se necessário

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade